Uma vontade que a manhã não venha nunca.



Nossos pés pisam em pedras. Mas por cima dos sapatos, sinto que são frias e duras, 
e sei que seu significado está em nós, não nelas. 

Meio silencio - pag 97

Nenhum comentário: