O que eu precisava agora?

De um daqueles seus abraços - um não, vários-
que me sufocam de tudo. 
que me protege de tudo. 

Nenhum comentário: